domingo, 18 de agosto de 2013

Hope

A vida tem pregado suas peças comigo. Sei lá o que Deus tá querendo me dizer...mas seja lá o que for, sigo apesar disso. Perder mais um bebê no dia do aniversário do meu primeiro filho foi doído. E fiquei pensando sabe, no sentido de tudo isso. Bom  desde que Pedro nasceu, esse dia passou a ser sinônimo de superação para mim. Então...que assim seja.Vamos superar.
Não gosto de tristeza, nem de baixo astral. Fico puta quando uma nuvenzinha ou pessoinha assim aparece por aqui. É isso, tô mais puta que triste. Me recuso a ficar mal. Me recuso a não celebrar a vida nesse dia. Me recuso a sofrer de novo por outra ectópica. Já chorei sim, mas se Nossa Senhora viesse aqui hoje eu iria dizer a ela, que, com todo respeito que lhe tenho, eu tô PUTA. 
Semana que vem tiro os pontos, e aí sim a vida segue. Farei a festinha do Pedro no final do mês, depois de colar meus pedaços. 
Bjks amores. 
Dias de sol para vocês e de sol com férias para mim (tô super precisada)!

........
(horas depois)
Acabei de assistir um programa com a Cissa Guimarães, Viver com fé, sabe? Pois é, tem muita gente com história para contar por aí. Eu sou só mais uma. Estou mais conformada, menos revoltada mas continuo triste. Poderia ter sido qualquer dia, por que no dia do anivesário do Pedro?
Dói ainda mais por isso. Mas vou tentar compensar com uma festinha bacana pra ele.
Fiquei pensando em algo maior...enfim, vou procurar minhas respostas.
E se Nossa Senhora viesse aqui, iria lhe chamar para tomar um café. Quem sabe ela não me explicaria o que Deus está esperando de mim.
Paz e bem.


terça-feira, 13 de agosto de 2013

Mais uma ectópica...

Um dia frio
Um bom lugar prá ler um livro
E o pensamento lá em você
Eu sem você não vivo
Um dia triste
Toda fragilidade incide
E o pensamento lá em você
E tudo me divide 

Longe da felicidade e todas as suas luzes
Te desejo como ao ar
Mais que tudo
És manhã na natureza das flores

Mesmo por toda riqueza dos sheiks árabes
Não te esquecerei um dia
Nem um dia
Espero com a força do pensamento
Recriar a luz que me trará você

E tudo nascerá mais belo
O verde faz do azul com o amarelo
O elo com todas as cores
Pra enfeitar amores gris

(Djavan)